Os sagitarianos para a alma

Todos nós, enquanto Espírito, escolhemos a data do nosso nascimento. E todos temos um mapa astral. Um dos aspectos mais salientes do nosso mapa astrológico é a escolha que fazemos onde deve estar o Sol num dos 12 signos do zodíaco. Se escolhemos vivenciar este signo em concreto, para além de todos os aspectos indicados na carta, há sempre uma razão muito forte para tal para tal.

As coisas que nos estão destinadas, formam parte de nós, desde sempre, dentro da estrutura cósmica a que pertencemos. Foram escolhidas por nós, como potencial para o desenvolvimento pessoal, evolução espiritual, elevando assim os níveis de consciência que somos nesta reencarnação.

Todos os signos podem ser vividos em 3 níveis evolutivos diferentes. No entanto, a maioria de nós, por motivos que não vêm ao caso, escolhem vibrar apenas as experiências do primeiro e segundo nível evolutivo.

Tenham em atenção que o que aqui lerem fala apenas das características puras deste signo. Mas o seu Sol faz aspectos a outros planetas, além de que existe o resto do seu mapa, podendo dar-se o caso de não se identificar com todo o texto… ou talvez não o queira.

As pessoas nascidas entre 22 de Novembro e 21 de Dezembro pertencem ao signo Sagitário.

Sagitário tem como regente o planeta Júpiter.

Sagitário tem como regente da Alma o planeta Terra.

As frases que melhor definem Sagitário: “Eu compreendo” e “Eu acredito”.

O signo Sagitário apresenta estas características positivas básicas:

Filósofo, tolerante, generoso, entusiástico, espiritual.

O lado menos luminoso do Sagitário pode apresentar-se assim:

Exagerado, auto-indulgente, intrometido, impaciente, jogador.

Acção luminosa de Sagitário:

O sumo-sacerdote.

Acção sombria de Sagitário:

A eterna vítima.

Pensamento luminoso de Sagitário:

O fariseu.

Pensamento sombrio de Peixes:

O pensador vago.

Sentimentos luminosos de Peixes:

O entusiasta.

Sentimentos sombrios de Peixes:

O mascarado.

Nascer com este signo significa que a pessoa vem aprender a cultivar e desenvolver estas características:

Serenidade, equilíbrio emocional, confiança, auto-controle, verdade, clareza de propósito.

Uma visão demasiado generalista de Sagitário:

Símbolo (glifo): A flecha do arqueiro

Ilustração popular: É representado por um centauro com arco e flecha

Regência: Júpiter

Elemento: Fogo

Qualidade: Mutável

Casa correspondente: 9 (IX)

Frases: Eu compreendo – Eu visualizo

Palavras-chave: Visualização

Signo oposto: Gémeos

Anatomia: Quadris, coxas, parte superior das pernas.

- Sagitário é um signo do fogo, regido por Júpiter.

- Os nativos de Sagitário têm horizontes vastos e um sentido extremamente desenvolvido de moralidade e de justiça.

- Caracterizados pela integridade e pela franqueza, são inteligentes, optimistas, tolerantes, compreensivos, humanos, esclarecidos, ousados, honestos, generosos, justos e delicados.

- Acima de tudo, são campeões na liberdade física e intelectual e detestam relações que restrinjam a liberdade pessoal.

- Aspiram ao consentimento e à harmonia social e desprezam o desencaminhamento e o artifício.

- Apesar de serem ingénuos, não caem inconscientemente em armadilhas: normalmente, caem numa armadilha para verem se têm capacidade de se desenvencilhar.

- Sentem que têm sempre razão, que a justiça está sempre do lado deles — e, muitas vezes, este facto origina desentendimentos e conflitos com outras pessoas.

- Os nativos de Sagitário comportam-se de uma forma áspera nestas situações.

- Embora aceitem as convenções e a respeitabilidade, detestam ser “quadrados”, e são independentes, preferindo viver a vida à sua maneira.

- Capazes de predizer o futuro através de uma compreensão das tendências do pensamento corrente, a aptidão intuitiva toca o profético.

- Demonstram exactidão de previsão quando seguem com sucesso os instintos respeitantes ao futuro.

- Conseguem mudar de opinião drástica e inexplicavelmente, mostrando versatilidade e impulsividade.

- Normalmente, beneficiam de mudanças rápidas de emprego ou de casa, por vezes, numa idade bastante avançada.

- Os nativos de Sagitário são pessoas muito enérgicas e extrovertidas, atingindo as suas metas através do pensamento positivo. Uma vez que são influenciados pelo planeta Júpiter, as possibilidades surgem sempre, mesmo no último minuto.

- São bons trabalhadores que procuram uma satisfação no trabalho; um bom salário não basta.

- Estão dispostos a ter muitas responsabilidades, mas tendem a seguir um caminho direito e estreito, perdendo muita coisa que lhes poderia ser útil.

- Tendem a tirar conclusões precipitadas sem ter em conta todos os factores.

- A energia motivadora leva-os à filosofia, ao pensamento profundo e à busca de uma razão e de justiça.

- Os seus horizontes são vastos, tentando trabalhar para uma vida melhor, quer em termos de sociedade como um todo, quer em benefício próprio.

- Mesmo que não tenham estudos superiores, sentem-se à vontade com ideias abstractas, princípios e crenças.

- Colocam as leis espirituais e os princípios morais em que acreditam acima do bem pessoal.

- Muitos nativos deste signo são bastante religiosos, possuindo uma fé resoluta nas questões espirituais e morais.

- Em certos casos, se se acostumarem a normas sociais limitadas, pode desenvolver-se uma tendência para a tacanhez (mesmo ao ponto de fanatismo religioso ou do apoio servil a dogmas ou filosofias diferentes.)

- São populares e sociáveis, e o comportamento é frequentemente determinado pelo círculo social em que estão inseridos.

- Dado que são pessoas muito honestas, não tentam a moderar as palavras; são indelicados e deixam escapar a verdade nua e crua.

- Por vezes, a rudeza insulta as pessoas, ameaçando inclusivamente as amizades.

- Embora apreciem o papel de dar um ombro amigo, tendem a ser condescendentes e pomposos.

- Também sabem ser impiedosos para com os inimigos.

- Os nativos de Sagitário inferiores são presumidos, condescendentes, hipócritas, presunçosos, desprezando tudo para atingir os objectivos, mas camuflando a verdadeira natureza na busca insaciável da aceitação.

- Os nativos de Sagitário adoram o exterior e o desporto.

- Possuem um grande espírito de aventura que os leva a correr riscos e a testar os limites constantemente.

- O gosto de viajar leva-os a domínios distantes e desconhecidos — geográfica ou mentalmente, ou ambas — seguindo a enorme curiosidade de conhecer, provar, explorar e experimentar o maior número de emoções possível.

- Outra manifestação do gosto pelo risco é em termos de dinheiro, onde se metem precipitadamente em negócios que as outras pessoas nem querem ouvir falar.

- Não são cautelosos com o dinheiro, e podem estar falidos num dia e cheios de dinheiro no outro.

- Gostam de ter pessoas à sua volta para confirmar os pontos fortes e a capacidade de trabalhar.

- Uma vez que a necessidade criativa é muito forte, conseguem alimentar o ego de uma forma positiva através da criatividade.

- Como patrões, preocupam-se com o bem-estar dos empregados.

- No amor são inconstantes e não assumem compromissos.

- Como depressa se apaixonam como deixam de estar apaixonados, põem termo a uma relação sem o menor arrependimento.

- São bons esposos, mas a impulsividade, de vez em quando, faz com que se casem com a pessoa errada.

- Depois tentam esconder o casamento infeliz, tirando o maior partido dele.

- Gostam da vida doméstica e de decorar a casa de forma atractiva.

- As nativas de Sagitário não gostam dos papéis tradicionais das mulheres e, geralmente, são muito independentes.

- A nível profissional, os nativos de Sagitário adaptam-se a cargos de autoridade e de consultoria: advogados, médicos, líderes religiosos, patrões, oficiais, peritos técnicos, políticos, enfermeiros, inspectores entre outros. Normalmente são músicos talentosos. Muitos cirurgiões veterinários pertencem a este signo, dado que adoram cães e cavalos.

- No que diz respeito à saúde, as zonas vulneráveis são os pulmões e os membros inferiores; as doenças típicas são a gota, o reumatismo, as contusões, a ciática, etc.

- No Zodíaco, o filosófico e liberal Sagitário está localizado no lado oposto dos superficiais e reservados Gémeos.

Que são os níveis evolutivos?

Todas as reencarnações têm como objectivo a passagem da negatividade para a positividade. É experimentar, na prática, a dualidade do ser humano. Todos os signos possuem os seus lados luminosos, assim como os seus lados sombrios. O que o ser humano vem fazer é aprender a dominar melhor os seus instintos mais básicos e primários, conseguindo sublimá-los em atitudes de maior elevação.

Damos a seguir um exemplo significativo. Se alguém é sistematicamente rude com os outros, obviamente que vem aprender a crescer para um outro nível evolutivo. Vem claramente aprender a não ser rude, a aprender a ter consideração pelos demais. Vem aprender (habitualmente com muito esforço) a ter uma atitude menos violenta. O fala-barato vem aprender a ser comedido. O egoísta vem aprender a amar os outros. Enfim, poderíamos aqui eternizar-nos em exemplos, que penso já serem da vossa compreensão.

Aceitem-se a amem-se como são. Gostem de vocês como são. Essa é a vossa experiência nesta reencarnação. Mas se puderem fazer algum esforço de trabalharem questões que vos inatas, só têm a ganhar com isso, pois significa que ao escolherem o signo que têm nesta vida, tinham consciência que poderiam melhor imenso todas essas questões.

Níveis evolutivos de Sagitário

Aprender a partilhar os seus interesses para que os outros possam expandir o seu pensamento.

Sagitário é o 3º signo de Fogo. O Fogo que liga a Terra ao Céu. Com ele se inicia a última etapa do processo evolutivo do homem sobre a Terra. É a Via da Iniciação, a grande viagem do espírito. A seta do Sagitário aponta a Lei, a Ordem das Coisas, o Caminho, a Direcção que é estímulo, objectivo e razão de existir.

Em Sagitário a seta simboliza o sentido da vida, o ideal que pede ao Ser um conhecimento maior, uma adesão total de si próprio. Sagitário é o signo da Fé, essa emoção que emerge quando mente e coração se unem, se pacificam. Quando ambos se orientam num projecto comum que pela sua forma unitária, transcende o ego e o instinto.

A Fé é o Fogo da Transcendência. Permite superar os condicionalismos da matéria e levar a alma humana à consciência da sua dimensão universal. Sagitário é o eterno viajante. Procura sobre a terra a Verdade do céu. 0 valor justo, a ética, a referência absoluta que lhe permite guiar seguramente os seus passos.

Regente: Júpiter

Júpiter é poderoso, expansivo, irradiante. A sua vibração permite intuir a qualidade que motiva a opção. Por ele se expande o impulso vital, a consciência do Eu no colectivo. Júpiter abre para o Sol, a luz da consciência. É o grande medianeiro entre a terra e o “Espírito das Oitavas”, a vibração dos planetas lentos. Em Sagitário, Júpiter é o Mestre, o homem sábio, esse que ensina os seus irmãos porque conhece a Lei. Daí o sentido de justiça do sagitariano, o rigor, a qualidade do seu pensamento, a sua exigência de verdade. Última resposta que tanto procura.

Na Casa 9:

É a área do Conhecimento Superior. 0 conhecimento da Casa 9 nasce de verdades arquetípicas presentes nas Leis do Universo, onde o Eu encontra a direcção segura, o sentido do caminho que o leva à sua remota e universal identidade.

1º nível de evolução: Situam-se as viagens de longa distância. Físicas e metafísicas, nascidas da insatisfação que nos faz procurar novos horizontes, novas culturas, novos modos de vida. Neste 1º Nível o conhecimento que esta casa simboliza é horizontal, passa-se ainda sobre a terra. Procura-se de fora para dentro, vem da identificação com outros povos, outras nações que nos revelam comportamentos não familiares. É o apelo do longe, do distante, de tudo o que nos é estrangeiro e por isso nos dinamiza.

2º nível de evolução: É vertical. Exprime-se na procura de uma Verdade Interior, no desejo de ensinamentos que estimulem a mente superior. Ensinamentos eternos, transcendentes, capazes de despertar em nós uma adesão emocional, uma nova Fé. Neste nível situa-se a adesão a todo o conhecimento que nos revela novos valores.

3º nível de evolução: Situa-se o processo de auto-iniciação. 0 encontro do Eu comigo, com a sua última identidade, é a descoberta da primeira experiência Iniciática. Quando nos apercebemos que não somos entidades solitárias, separadas da força de um universo em expansão

Quando transcendemos a divisão a que nos reduz o nosso egocentrismo separatista e aderimos a Leis Intemporais capazes de nos integrar, direccionar e orientar. É uma casa de procura de sabedoria.

Aí se vão aprender Verdades Universais. Numa última fase, essas vão poder ser ensinadas aos outros, ao adquirir uma nova fé que lhe ensina o caminho, ao iniciar-se, ao reconhecer-se numa verdade que o transcende, o Eu vai então expandir-se pelo prazer de ensinar. O último nível da casa 9 é a Via dos Mestres, a expressão da Sabedoria.

Conheça os homens e mulheres de Sagitário

O que esperar do homem Sagitário:

Sejam quais forem as suas faltas, não há malícia neste homem. É possível que você tenha de repetir esta frase vezes e vezes sem conta enquanto tenta e consegue recuperar-se das observações cortantes e do comportamento insensível dele para consigo. É difícil de compreender, tal como os outros signos ascendentes dualistas.

Encare a questão do ponto de vista dele. Ele conheceu alguém de novo, ou encontrou um velho amigo, ou talvez apenas quisesse ir à caça por uma semana. Nunca pensou que você levaria isso tão a peito.

Ele não pensa em termos de compromisso. No fundo, é um homem que aprecia a amizade com as mulheres. E disse-lhe, desde o início, que queria apenas que fossem amigos; que gosta de andar à vontade, e que acredita que a raça humana foi mesmo concebida para relacionamentos em série.

Não é dúbio no que se refere ao que pretende duma relação consigo. Disse-lhe logo como ele era, você é que não prestou atenção. As mulheres nunca lhe dão ouvidos e isto nunca deixará de o confundir. Não porque elas sejam deficientes auditivas, mas sim porque o vêem com o coração.

E os corações delas dizem que este é um homem generoso e bom. Há um quê de encanto pueril no nativo de ascendente Sagitário que seria capaz de derreter o coração de qualquer “tia Elvira”. Ninguém é imune. Não se ponha a fazer uma série de perguntas, se este é o homem para si. Dê-lhe espaço. Não lhe dirija ultimatos, a menos que os pretenda cumprir. Não lhe dê motivo para ele pôr os seus pés já andarilhos a mexer, ao convidar os seus primos para uma jantarada de esparguete em sua casa, só para que possam travar conhecimento com ele.

O mais provável é que ele se esconda na banheira e aí permaneça até conseguir engendrar uma fuga. Se ele não se sentir limitado pelo vosso amor, arrastá-la-á para casa nas férias. O que ele pretende mesmo é uma companheira.

Um compromisso, para ele, é algo como um buraco negro. Normalmente, aos nativos de ascendente Sagitário, estão reservados vários casamentos. Haverão de ter uns quantos filhos e laços quebrados com eles. Por norma, as suas carreiras profissionais são longas e sérias. Estes homens sabem muito bem como lidar com as pessoas e, contudo, enquanto gestores, não lhes passará despercebida uma única manha do pessoal.

A sua natureza essencialmente benevolente impedi-los-á de mencionarem o que há de menos abonatório, apesar de o registarem na memória. Mais do que um par de encarregados de educação está indicado para este caso, ou laços excepcionalmente fortes com um dos avós. Um caso amoroso com alguém da família não é impensável.

Durante a sua juventude, este homem envolve-se em relações duplas e os relacionamentos são numerosos. Faz tudo parte da sua noção de aventura.

O que esperar da mulher Sagitário:

Não é que ela tenha esquecido os seus votos de Escoteira no que diz respeito a ser asseada, correcta e boa, mas na verdade não disporá de tempo para muitas das tarefas de esposa dedicada.

Dispersão de energias e o seu entusiasmo pela vida suplantam o desejo de lhe fazer um bolinho de cenoura e de declarar guerra às bolas de cotão. Temos aqui uma mulher entusiástica, as bolhinhas do champanhe da vida.

Se eu tivesse de escolher qual a característica mais notável deste signo ascendente diria que é a sua paixão por viver a vida ao máximo. Naturalmente, sendo esta a sua prioridade, ela poderá ter momentos de aventura em que se verá envolvida em complicações, tais como esquecer-se de voltar das suas férias de duas semanas, esconder nos sacos da lavandaria os novos vestidos que comprou em saldo («Eu não esbanjei dinheiro, os custos do serviço de limpeza a seco é que foram exorbitantes»), ou vender a sua porcelana chinesa de família, passada de pais para filhos, para poder comprar fatos de baile apropriados.

Quando tudo estiver dito e feito, ela terá tido uma porção de amigos e vinte empregos, terá atraído o maior número possível de admiradores, e amado uma dúzia de homens. Quem é que consegue resistir a uma natureza autenticamente bondosa, à eterna optimista, à rainha do baile de formatura que ficou em casa com o seu melhor amigo por este estar com sarampo?

Ela nunca chega a crescer completamente, recusando-se a aceitar limitações no que se refere à diversão ou à aventura. Se é difícil resistir-lhe, mais difícil ainda será “apanhá-la”. Ela faz uma quantidade de coisas à pressa, e embora casar não seja geralmente uma delas, vários casamentos se encontram reservados a esta crepitante nativa. Nascida para viajar, esta nativa é uma das mais activas do Zodíaco.

A vida é, geralmente, favorável à mulher cujo signo ascendente é Sagitário, mas mesmo assim ela terá momentos de desânimo ao longo da mesma. Com tendência para fases de calma solidão, ninguém poderá imaginar que grande parte da sua personalidade extrovertida seja uma resposta condicionada pelo meio que a rodeia, e não necessariamente um traço inato da sua maneira de ser.

Existe uma forte possibilidade dela vir a ter duas famílias nos seus primeiros anos. Popular junto de todos desde cedo, casa-se jovem e estabelece vários relacionamentos antes de se comprometer seriamente. Tem uns quantos filhos que se revelarão tão impulsivos e obstinados como ela própria já foi. Uma presença agradável, sai-se muito bem na profissão escolhida. São prováveis as heranças e legações.

Ascendente em Sagitário

A primeira abordagem da vida é feita através do Fogo Mutável: aprendizagem e experiência da identidade. Quem tem ascendente Sagitário tende a entrar na vida como quem começa uma viagem: com entusiasmo, curiosidade, optimismo e boa-disposição. Na sua abordagem existe sempre uma componente de aventura, descoberta.

O indivíduo com este ascendente lança-se à descoberta de uma nova fronteira, de uma nova ideia ou da solução para os problemas globais com o mesmo entusiasmo e convicção com que parte em busca de um tesouro, descobre um novo disco ou, mais prosaicamente, explora a despensa em busca de guloseimas.

É optimista: acredita que “hão-de acontecer coisas boas” e que a vida, afinal, “não é assim tão má”. Com a sua fé jovial e inabalável, encara tudo como um jogo e não hesita em correr riscos. O que poderá correr mal? O seu entusiasmo e idealismo são contagiantes e, na maior parte dos casos, contribuem para o bem-estar geral.

Contudo, o indivíduo com este ascendente corre o risco de se tornar pomposo, arrogante e “doutrinário”. Quer que os outros “acreditem” naquilo que acha que está certo e não hesita em “ensinar” ou mesmo impor as atitudes e conceitos morais que considera correctos. Quando passa da atitude de sabedoria pomposa à de partilha de conhecimentos, dá um importante passo em direcção à maturidade.

Esta etapa, que é alcançada através do controlo da fala e dos pensamentos (evitando exageros e indiscrições), vem trazer à sua vida o sentido e a Sabedoria que tanto procurou. O aventureiro transforma-se, então, no cruzado. Associa-se a este ascendente um aspecto descontraído e jovial. Pode ter um rosto aberto, com um grande sorriso e cabelos encaracolados (às vezes arruivados), coxas fortes e tendência a aumentar de peso. Tolerante, sincero, compassivo e generoso.

O destino é dualístico e geralmente divide-se em dois extremos de felicidade e de desgraça. O nativo é muito impressionável, embora amante da liberdade e da independência. Frequentemente precipitado, esbanjador e descuidado. Quando não está desenvolvido é irreflectido, errático e rebelde; mas, quando desperto, é filosófico, amante da lei e da ordem, pacífico e mais intuitivo do que imitativo. Optimista, idealista, afável e leal, mas exigente em questões de amor-próprio. Não tolera restrições.

Predisposição psico-física do signo

Afecções da laringe, faringe, floras, afonia e transtornos auditivos; ciática e reumatismo, varizes e inchaço das pernas. Em geral a saúde é boa.

Anatomia: Quadris, coxas, parte superior das pernas.

Fonte: www.nova-lis.com

Arquivado em Astrologia

Leia outros artigos relacionados

Uma Resposta para “este artigo”


  1. paula
    26ago

    OLÁ! Estou apaixonada(eu acho) por um rapaz de gêmeos! IAI? isso dá certo ou ñ!
    analisando o comportamento dele… parece q gosta de mim(pelo comportamento)
    mas… acho q há um orgulhozinho a parte! o q faço?

Deixe um comentario