O que é Hipnose

Arthur Rowshan. Janeiro de 2006

A hipnose é um estado passageiro no qual todos nós já vivemos pelo menos uma vez ao dia. Por exemplo, quando “nos perdemos” ao ler um livro, ao ver um filme ou durante a meditação, nossa atenção se concentra e cria esse estado entre o sonho e a vigília. O fator mais interessante é que o subconsciente pode trabalhar livremente sem a intervenção da mente consciente, ou seja, a parte analítica.

Apesar de originar-se do vocábulo grego hypnos (sonho) a hipnose não tem nada a ver com isso. Trata-se de um estado de grande concentração provocado artificialmente por meio de palavras. Podemos dizer que a hipnose é um processo de comunicação. O sonho hipnótico nem sempre é necessário. Como processo de comunicação, a hipnose é uma alteração ou modificação da consciência onde a parte analítica da mente se desassocia.

Uma sessão de hipnose

Antes de tudo, como em todos os métodos terapêuticos, é importante obter um bom nível de confiança entre o cliente e o hipnólogo. Às vezes devemos falar sobre os temores da pessoa em relação à hipnose. O maior obstáculo ao entrar em estado hipnótico é o temor. O procedimento inicial se dá na concentração de um ponto fixo e no relaxamento corporal. Uma vez relaxada e concentrada, a pessoa entra no primeiro nível do estado hipnótico chamado de transe ligeiro.

Nesse estado, a pessoa sente o corpo pesado. A maioria dos hipnólogos clínicos utiliza o transe ligeiro. Apesar dos fenômenos desse estado, a pessoa está totalmente consciente: pode ouvir a voz do hipnólogo, ouve outros ruídos sem importar-se com eles e às vezes permanecem com os olhos abertos e constestam as perguntas do hipnólogo.

Se o hipnólogo considerar oportuno, aprofunda o transe até o estado mais profundo, onde a pessoa aceita as sugestões. Nesse estado, chamado de sonambulismo, a pessoa pode viver as experiências como se fossem reais.

Traduzido por FLS do Brasil Traduções e Interpretações Ltda
www.flsbrasil.com

Titulo original: http://www.metodorowshan.com/METODO/Web/Articulos_Hipnosis/la-hipnosis.php

Arquivado em Hipnose

Leia outros artigos relacionados

Uma Resposta para “este artigo”


  1. Hélio Oliveira
    20set

    Se hypnos era um deus do sono, dormençia a hipnose pode ser conciderado um estado de dormençia da mente?
    E outra se o transe não é conciderado tambem um estado de dormençia da mente já que o sonambulismo é interligado ao sono.
    Agradeço.

Deixe um comentario