Iniciativa e Acabativa

Há um ditado chinês que diz: “Quem sabe e não faz, no fundo não sabe”.
Muito se ouve falar hoje em dia em iniciativa, as empresas, a política, as comunidades, o terceiro setor e o país buscam pessoas com essa competência que se resume na capacidade que todos nós temos de conceber novas idéias, de criar e iniciar projetos. Isso é iniciativa.

Você é uma pessoa com iniciativa? As pessoas de iniciativa têm mil idéias, são criativas, mas geralmente, deixam de lado e odeiam a rotina necessária para colocá-las em prática. Milhares de idéias e soluções das mais diversas são engavetadas dia após dia. Quanta genialidade desperdiçada…

Van Gogh, um dos gênios da pintura, criou verdadeiras obras de arte, deixando um legado maravilhoso para a humanidade. Em vida, morreu pobre e sem ter um vendido um quadro. Iniciativa ele teve, faltou-lhe acabativa.

Isso mesmo, acabativa! Esta é a capacidade de colocar em prática uma idéia e levá-la até o fim. Você é uma pessoa com acabativa?

Acabativa é um neologismo que significa a capacidade que algumas pessoas possuem de terminar aquilo que elas próprias ou o que os outros começaram. A acabativa tem base na realização, isto é, realizar a ação necessária para alcançar resultados. A chave da acabativa, não é a idéia, a criação, a filosofia ou intelectualização, é o que você faz, é se comprometer com os resultados, aceitar a responsabilidade e agir de modo persistente.

Acabativos são aqueles que gostam de fazer as coisas acontecerem e não desanimam diante das dificuldades da trajetória: seguem em frente, implantam e conquistam. O que é importante perceber é que iniciativa sem acabativa são palavras ao vento, promessas não cumpridas, conhecimento sem praticidade e criação sem resultados. Acabativa sem iniciativa é fazer tudo sempre igual, rotineiramente, mesmo que os resultados sejam insatisfatórios. Muitas vezes, plantar um pé de tentativas para colher um caminhão de nada. Uma destas capacidades sem a outra é desperdício certo. Mas então, o que fazer?

Pense que você ganhou em uma loteria o carro de seus sonhos, Que carro é esse? Imagine que ao ir buscar o carro na concessionária você descobre que o carro não tem marcha-ré… Talvez você pense que tudo bem, afinal é o carro de seus sonhos. Você sai com o seu carro, se perde pela cidade e acaba entrando num beco sem saída, aí se lembra que o carro não tem marcha-ré… pronto! Você percebe então que por melhor que seja o carro, ele precisa andar para frente e para trás, não em uma única direção.

Iniciativa e acabativa são assim, uma sem a outra limita os nossos sonhos e as nossas realizações. Quantas pessoas têm dezenas de idéias e não fazem nada? Quantas pessoas estão cheias de vontades e não têm idéia do que fazer?

Para solucionar esta situação devemos entender que essas capacidades são complementares. Se você é cheio de iniciativa e pretende abrir um negócio, arrume um sócio que tenha acabativa, senão com o tempo você vai abominar a rotina empresarial. Outra solução mais eficaz é mudar. Mude! Amplie seus horizontes, tenha mais flexibilidade, desenvolva sua iniciativa se você tem uma tendência de acabativa e vice-versa, assim, você se torna um empreendedor.

Empreendedores têm iniciativa e acabativa; se abrem para um mundo de idéias e colocam a mão na massa para implantá-las.

Para perceber como vem sendo sua atitude, pergunte-se:
Tenho mais iniciativa ou acabativa?

Como faço para me tornar um empreendedor?

Em que projetos de minha carreira precisam de iniciativa para mudar?

Em que projetos de minha carreira precisam de acabativa para implantar?

Em quais projetos de minha vida, preciso de acabativa para implantar?

Que áreas de minha vida precisa empreender mais?

O que vou fazer?
Como vou fazer?
Quando vou fazer?

Lembre-se que antes de liderar qualquer pessoa ou situação com eficácia e resultados satisfatórios você deve liderar primeiro a si mesmo. Acredite em seu potencial, desperte o gigante que existe em você, veja-se como o vencedor que é e empreenda a sua própria jornada de conquistas.

Como citado por William J. Brujan :”O destino não é uma questão de oportunidade. É uma questão de escolha. Não é algo para se ficar esperando, é algo para ser conquistado”.

Seja um empreendedor de sua vida, o maior resultado que você tem direito é a sua felicidade. Isso só depende de você!

Flávio Souza
Coach, Consultor e Palestrante
www.vocevencedor.com.br – flaviosouza@vocevencedor.com.br